MUNDONOTÍCIASPOLÍTICA

Coreia do Sul descriminaliza o aborto após uma proibição de 67 anos

A lei que criminalizava o aborto na Coreia do Sul foi retirada nesta sexta-feira (1º) da legislação do país. Com isso, agora todas as mulheres têm direito à interrupção voluntária da gravidez, antes só aceita para vítimas de estupro ou em casos de risco à saúde da gestante.

De acordo com a agencia de notícias RFI, esta é uma vitória celebrada por Na Young, líder da associação Share, organização que defende os direitos das mulheres.

Após uma proibição de 67 anos, no entanto, ainda não há uma estrutura legal que garanta o acesso ao aborto para todos e cobertura de seguridade social em um país conservador. Ao todo, oito emendas foram apresentadas na Assembleia Nacional, o que deve gerar um grande debate nos próximos meses.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: Metro1, 02/01/2021

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

10 − 5 =

Botão Voltar ao topo