BRASILCORONAVÍRUSDESTAQUE

Fiscalização interdita culto na Igreja Mundial do Poder de Deus com mais de duas mil pessoas

Após várias denúncias, os agentes da Ação Integrada de Fiscalização Urbana (AIFU) contra a propagação da Covid-19 interditaram, na noite desta quarta-feira (24), um culto com mais de duas mil pessoas.

O caso aconteceu em Curitiba (PR), na Igreja Mundial do Poder de Deus que fica localizada no bairro Batel.

Chegando ao local, os agentes constataram que os participantes estavam aglomerados e sem manterem o distanciamento social, contrariando os protocolos sanitários estabelecidos pelos órgãos fiscalizadores.

“Não é muita gente, porque aqui a gente tinha álcool em gel e todo mundo de máscara”, disse uma das participantes. Ao ser questionada se ela não tinha medo da aglomeração, a resposta foi: “Não, eu não tenho medo. E os botecos? Os botecos estão cheios”, argumentou.

Os responsáveis pelo culto foram levados para a delegacia, assinaram um Termo Circunstanciado e foram liberados.

Três multas que somaram R$ 150 mil foram aplicadas durante a ação. De acordo com a prefeitura, os autos foram expedidos por vários motivos.

Entre eles, a falta de controle do número de pessoas e de distanciamento de 1,5 metro entre os participantes, além do desacordo com os protocolos sanitários.

De acordo com o boletim da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), divulgado na quarta-feira (24), a capital paranaense tem 84.597 casos confirmados de Covid-19 e 2.487 pessoas morreram pela doença.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: O Fuxico Gospel, 25/02/2021

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

9 + 19 =

Botão Voltar ao topo