DESTAQUEFAMOSOSMUNDO

Papa Francisco pede que padres mexicanos encarem desigualdades, violência e corrupção

O papa Francisco pediu nesta segunda-feira (29/3) aos padres e seminaristas mexicanos que estudam em Roma para encararem quando retornarem ao seu país os maiores problemas do México: “violência, desigualdade e corrupção”.

“Diante de tudo, precisamos olhar com a ternura que nosso Deus Pai vê as problemáticas que afligem a sociedade: violência, desigualdades sociais e econômicas, polarização, corrupção e falta de esperança, especialmente entre os mais jovens”, destacou.

O pontífice argentino pediu a eles que olhem a realidade com “ternura” e que trabalhem pela “reconciliação”, especialmente com os marginalizados, como as populações indígenas.

“As dificuldades sociais que enfrentamos, as enormes diferenças e a corrupção exigem de nós um olhar que nos torne capazes de tecer os diferentes fios que foram fragilizados ou cortados na tilma colorida de culturas que compõem o tecido social e religioso da nação, prestando assistência principalmente para aqueles excluídos por causa de suas raízes indígenas ou de sua particular religiosidade popular”, pediu.

“Somos chamados a não subestimar as tentações mundanas que podem nos levar a um insuficiente conhecimento pessoal, a atitudes autorreferenciais, ao consumismo e às múltiplas formas de evasão das nossas responsabilidades”, alertou.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: Correio Braziliense, 29/03/2021

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

10 − sete =

Botão Voltar ao topo