BRASILDESTAQUEPOLÍTICA

Pastor, tio de Damares é responsável por avião preso com mais de 200 quilos de maconha

O secretário executivo da Igreja Quadrangular da Pará, o ex-deputado e pastor Josué Bengtson, tio e padrinho político da senadora Damares Alves (Republicanos-DF), é o responsável pelo avião preso pela Polícia Federal (PF) com 290 quilos de skunk, forma concentrada de maconha. As informações são da revista Fórum.

A aeronave foi flagrada com a droga no último sábado (27) e um suspeito foi detido no aeroporto de Belém. Em nota, a Igreja Quadrangular-PA admitiu ser proprietária do avião. A instituição disse ter acionado a Polícia Federal assim que soube do conteúdo transportado no veículo. Ao serem informados sobre o carregamento, que iria para a cidade de Petrolina, os agentes da PF prenderam o suspeito antes da decolagem.

Carreira impulsionada

Damares Alves teve a carreira impulsionada por Bengtson nos anos 1980, quando foi ordenada pastora da Quadrangular. Na década seguinte, ela foi trabalhar em seu gabinete na Câmara dos Deputados, quando era parlamentar pelo PTB.

 

 

 

 

 

 

BNews, 29/05/2023

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

14 − nove =

Botão Voltar ao topo